Thelma

Querida Thelminha, ´grandona´.
Foram 13 anos de carinho, de alegrias, de dedicação, de comer tomadas e máquinas de lavar roupa e fazer alguns buracos no jardim. Sempre alegre, pedindo biscoito parada em frente ao armário.
Junto com a gente nos momentos alegres e tristes, chorando de alegria quando chegávamos em casa. Vamos sentir muito a sua falta,mas temos certeza que agora você está bem, alegre, sem dor e brincando com o Lucas, lá no céu.
Fique bem, grandona.
Muito obrigada.
Luciane e Emilson Grassani