Sophi

Saudade define o sentimento da perda de um pedaço da família. Um pedacinho que chegou bem por acaso. Inesperado. Tão logo tomou conta de nossos corações. Talvez fosse seu jeito sapeca e amoroso. não sei. Uma filhote inocente, que se encolhia perto do colchão. Cresceu, sentiu amor, deu muito amor, trouxe alegrias, renovou nossos corações, completou a família. E, finalmente, chegou a sua hora.

Seu cantinho ainda está lá. Não tem como olhar e não lembrar da minha pequena brincando, dormindo, comendo. Foi tudo muito rápido. Já estava tudo planejado: receberia sua alta, ganharia um dia de princesa com pet, roupa e brinquedos novos. Contudo, o destino não quis que fosse assim. Em vez disso, hoje temos fotos suas em todas as partes. Sentimos saudades. Não vou dizer que não dói, porque dói muito. Mas aprenderemos a conviver. Nunca será esquecida e nem deverá. Foram só 3 anos, tempo curto em que foi amada. Fez, e ainda faz, parte da família. O bebê da casa. O amor de nossas vidas. Não tenho palavras para agradecer por tudo que fez. Mesmo não tendo a ciência do tamanho do bem que nos fez. Era a peça que faltava em nós. Não existia tristeza ou depressão com você.

Uma pena que os humanos não têm compreensão que suas vidas são tão curtas. Quantas vezes já te desejamos a eternidade. Ninguém nunca está pronto para o adeus. E, ainda, pensamos que sempre há algo que poderíamos ter feito de diferente. Mas era para ser assim. Seu tempo aqui durou o que tinha que durar. Sua missão de trazer amor à nós foi concluída com sucesso. Que São Francisco de Assis te receba com o mesmo amor que lhe demos aqui. Seja onde estiver. Encontre a paz, a luz e o caminho. O amor nunca morre, é eternizado.

Desculpa se em algum momento falhamos. Desculpa se estamos sofrendo. A dor da partida dói. Mas vá em paz, busque sua luz, corra atrás dos passarinhos aí no céu. Vire uma estrela brilhante, junto à muitos outros amiguinhos de quatro patas que tomaram o seu rumo. Diga a eles que sua família em Terra deu todo o cuidado e carinho. E que nenhum animalzinho perca a esperança de ter um lar. Todos merecem ser amados como você foi. Cuidados da mesma forma que você cuidou da gente. Foi a forma mais pura de amor que tivemos. Ainda, sei que sua irmã também sente sua ausência. A Amora te amava e sentimos isso – apesar de morarem em lares diferentes. Eram divertidas suas brincadeiras juntas e na forma como ainda eram tão amiguinhas, mesmo com o passar do tempo.

Hoje temos mais um cantinho seu em nossa casa, o cantinho da saudades e das boas lembranças. Que Deus te acolha, meu amor <3 Nossa família vai seguir a vida, tendo você em nossas memórias. Nós te amamos muito.
Minha gordinha, minha gordi, minha Schnauzer-apso, minha Chininha