Belinha

Recebi um presente de DEUS na minha casa em 2007, a Belinha, alegre, fiel, doce, um anjo em nosso meio. Se eu soubesse que ela partiria…ah…não podemos voltar. Esse anjo partiu dia 05/01/17, foi morar com DEUS, nos deixou, e agora estou fazia, sofrendo. Que dor.Cachorros são anjos de verdade, valorizem seus cachorrinhos, quem ainda os tem, se doem, de o seu melhor, porque eles merecem. A dor da falta deles é imensa, não tem como descrever. Dede que partiu, sinto que um pedaço de mim se foi também,com certeza o pedaço mais puro, angelical e verdadeiro, sem maldade. O cão não exige nada, apenas quer nossa companhia.Quanta dor e saudade minha Belinha….sua carinha, seu toquinho de rabo. O tempo não volta, que pena. Espero te encontrar no céu um dia.Me espere lá, meu amor. Que saudades, que dor. Descanse em paz