Rodolfo

Rodolfo nasceu em 2006, época que a “Aids Felina” atacava de forma mortal.
Sua mãe morreu em consequência da doença e ele foi cuidado com muito carinho, tratamento médico e conseguiu sobreviver.Seus nove anos de vida foram muito agitados.
Era um defensor ferrenho de seu espaço contra outros gatos; caçador implacável, mas me entregava tudo que caçava.Amoroso, brincalhão; sobretudo, livre!
Vai encontrar a Luna e a Coty, que em 21 de Fevereiro nos deixou, porém suas presenças continuam preenchendo nossas vidas.
Quem não tem um animalzinho de estimação, perde de vivenciar momentos de amor e carinho sem igual!
Rosicler Rodrigues Teixeira Villatore