Princesa

Princesa tinha perto de 2 anos de idade quando a adotamos numa dessas feirinhas de animais de fim de semana. Ruidosa, briguenta, latidora, de olhos grandes numa carinha pequena. O pelo negro, curto, forte, brilhava após cada banho. Os dentinhos afiados que não perdoavam “invasores” do seu espaço. Recebeu bem duas irmãs que também adotamos ao longo desses 13 anos de convivência. Morreu dignamente, apesar das mazelas do corpo ao longo desse tempo com a gente. Nasceu Princesa, nos deixou como Rainha.