Minie

Que aperto enorme estou sentindo agora. Foram 13 anos de muita alegria. Você adorava comer biscoito, tomar café com leite, comer ossinhos… Não podia ouvir a palavra “passear” que ia correndo para o portão! Está sendo muito difícil não escutar mais suas patinhas fazendo barulho no piso, não ver você me aguardando na varanda para me dar oi, enquanto abria o portão. Seu latido de alegria era tão engraçado! Você se foi e levou um pedaço meu consigo! Espero que agora você esteja bem, descansando em uma nuvem de ossinhos! Jamais vou te esquecer!