Michael

Michael,
“Bem do ladinho do céu tem um lugar chamado Ponte do Arco Íris.
Quando morre um animal que foi especial,
Esse animal vai para a Ponte do Arco Íris.
Lá existem riachos e colinas para que todos os nossos amigos possam correr e brincar juntos; tem muita comida, água e sol,
E nossos amigos estão quentinhos e confortáveis.
Todos os animais que estavam velhos e doentes voltam a ter vigor e saúde
Aqueles que estavam machucados ou aleijados estão inteiros e fortes novamente;
Exatamente como nossas lembranças dos tempos que se foram; Os animais estão felizes e contentes;
Exceto por uma coisinha;
Cada um deles sente falta de alguém muito especial, que teve de ficar para trás.
Todos correm e brincam juntos.
Mas chega o dia quando um subitamente pára e olha para longe,
seus olhos brilhantes estão atentos, seu corpo treme de ansiedade,
De repente ele começa a correr para longe do grupo, voando sobre o gramado verde, suas pernas indo mais e mais rápido.
Você foi avistado;
E quando você e seu amigo finalmente se encontrarem, vocês se abraçarão numa reunião feliz, para nunca mais serem separados novamente.
Os beijos alegres chovem sobre o seu rosto, suas mãos afagam de novo a cabeça amada.
E você olhará mais uma vez, nos olhos confiantes do seu amigo.
Ausentes a tanto tempo da sua vida, mas nunca LONGE DO SEU CORAÇÃO.
Aí, vocês “cruzam juntos a PONTE DO ARCO ÍRIS”.

Nosso anjinho que viveu conosco por quase 11 anos, deixará muitas saudades, mas ficará eternamente presente em nossos corações. Sua alegria, brincadeiras, “artes” e “rabugices” são inesquecíveis. Temos a certeza de que um dia nos reencontraremos, enquanto isso se comporte, junto às suas amiguinhas gatas Kety, e principalmente Wendy (seu amor platônico!), até o dia em que nos cruzarmos na Ponte do Arco Íris…
Mamãe Sheila C. Abagge e família.