Manu

Querida Manu! Você foi um presente em nossas vidas, cresceu junto com as crianças e talvez por isso sempre se comportou como uma criança, dócil, querida, calma, meiga. Estamos sentindo muito a sua falta! Aquele bebezão uivando e pedindo chamego toda vez que a gente passava por perto. Creio que você está neste momento está correndo por este lindo jardim com grama e flores, sem dores sem sofrimento, leve como uma pena. Ficará para sempre em nossos corações, para sempre! Obrigada por fazer parte de nossa família!
Saudades eternas!
Mamãe Ruth, papai Julio e seus irmão Carol e Julinho.