LUA

Lua, Luete nossa pequinete, nossa princesinha da Sibéria.
Você foi embora e deixa uma marca imensa em nossos corações.
Uma mistura de ferida, buraco, aperto e dor.
Você que era nossa sombrinha, aparecia do nada, mas estava sempre perto da gente.
Triste saber que você não estava bem, e sentia dores, que queríamos ter podido evitar.
Decidimos te trazer para casa, para que você soubesse que nunca seria abandonada como já foi, que você é amada e querida por nós, e que todos os cantinhos da casa, eram seus.
Nossa família hoje chora sua saudade, a falta imensa que faz sua respiração forte, seus olhos humildes e inqusidores.
Te amamos demais.
Espero que vc encontre paz e um corpo sem dor, jovem e cheio de energia.
Com saudade,
Roger, Rebeca, Leticia, Patricia, Maria, Roberto e Tony.
P.S. Manda beijos e lambidas para o Lupy
Saudade.