Grenda

“Quando vi você naquela feira de filhotes sendo vendida, não acreditei. Você já tinha 8 meses e estava a venda.
Te peguei no colo e me apaixonei imediatamente, só que em casa “não entrava cachorro”.
Fiquei muito triste em deixá´la mas momentos depois você estava novamente comigo e não nos separamos mais.
Sempre digo que você foi o melhor presente que já ganhei. Onde eu ia lá estava você, me olhando, me admirando.
Quando eu saía e não te levava, era arte na certa. Alguma você aprontava…pura vingança por não ter ido junto!
Mas quando eu chegava me perdoava na hora e fazia a maior festa, muitas lambidas…..aliás isso era o que você mais sabia fazer, lamber.
A lingüinha ficava até pra fora, sempre pronta para as intermináveis seções de lambidas.
Enfim, foram 13 anos de muito amor, companheirismo, momentos maravilhosos que passamos juntas, lembranças intermináveis.
Que saudades, que falta você me faz.”
Josiane Ribas G Baracho