Elvis

Elvis era um príncipe, meu companheiro de todas as horas.
Sempre sociável,manso,querido por todos que o conhecia. Só latia para outros cachorros grandes e quando batiam na porta. Quando pequeno roía muito os móveis da casa e nossas sandálias . Adorava brincar com sua bola de tecido e aceitava as roupinhas fazendo até pose. Quando veio a idade continuou a ser o cãozinho santo de sempre. Tomava seus remédio só fazendo careta para alguns. Chamava ele de Pixulinho ( inventei esse nome ), cantava prá ele e conversava sempre com ele que me respondia com o olhar, disso eu tenho certeza. Sentirei sua falta eternamente. Te amo meu filho amado.